Notícias

27º Festival Sete Sóis Sete Luas

09/07/2019

Até 31 de agosto na Fábrica da Pólvora em Oeiras

As acrobacias circenses e a gastronomia deram início ao 27º Festival Sete Sóis Sete Luas que este ano decorre até 31 de agosto, na Fábrica da Pólvora de Barcarena.

Os concertos de música mediterrânea começam a 5 de julho. A entrada é livre. Os nomes agendados no programa trazem-nos uma proposta variada de concertos e espetáculos, nos meses de junho, julho e agosto, que envolverão artistas de França, Israel, Itália, La Reunion, Marrocos, Portugal, Cabo Verde, Brasil, Guiné-Bissau e Espanha.

Reserva alojamento na Pousada de Juventude de Oeiras e vive um mundo de experiências na praia. 

Programa:

Sexta-feira, 5 de Julho – 22h00
ORKESTRA POPULAR DES 7LUAS (países da Rede SSSL)
Um longo e fascinante percurso, que visita a música popular portuguesa, com a presença do gaiteiro Ricardo Coelho, as melodias brasileiras, com a direção musical do percussionista Roberto Mello, os ritmos do sul de Itália, com a voz da Barbara Eramo e, da ilha da Sardenha, com o acordeonista Vanni Masala, as harmonias andalusas, com a guitarra flamenca do músico Javier Blanes e os ritmos da África Ocidental, com o baixo e a voz de Manecas Costa, da Guiné-Bissau.

Sexta-feira, 12 de Julho – 22h00
7LUAS MAIO BAND (Cabo Verde)
Esta produção original do Festival Sete Sóis Sete Luas conta com a participação de 6 prestigiados músicos do Maio, uma das ilhas mais periféricas do arquipélago de Cabo Verde. Tote Xinoca na voz e cavaquinho, Tibau Tavares na voz e viola, Tó no baixo, Mauro no piano e cavaquinho e Nuno na guitarra foram dirigidos musicalmente pelos mestres José Peixoto e José Barros (Portugal) no âmbito do projeto de cooperação promovido pelo Festival SSSL. Em palco, como special guest, o baterista português André Sousa Machado.

Sexta-feira, 19 de Julho – 22h00
MED-ARAB-JEWISH 7SÓIS ORKESTRA (países da Rede SSSL)
Esta ambiciosa nova criação musical do FSSSL propõe-se promover o diálogo intercultural, graças à presença de músicos judeus, muçulmanos e cristãos, contribuindo para a aproximação entre as diferentes culturas das duas margens do Mediterrâneo. Conta com a participação de prestigiados mestres representativos dos três mundos culturais e religiosos típicos do Mediterrâneo e do sul da Europa: Stefano Saletti, de Itália (direção musical e bouzouki), Eden Holan, de Israel (voz), Arnaud Cance, de França (guitarra, voz e acordeão), Harry Perigone, da ilha de La Réunion (percussões), Soukaina Fahsi, de Marrocos (voz) e Carlos Menezes, de Portugal (baixo).

Sexta-feira, 26 de Julho – 22h00
AMILOTX (País Basco)
16 bailarinos em palco acompanhados pelo quarteto musical Korrontzi, do País Basco, que, com a sua música, homenageia a cultura popular basca, com influências de todo o mundo, proporcionando um concerto cheio de energia e de alegria, onde a música e a dança se fundem.

Sexta-feira, 2 de Agosto – 22h00
LES VOIX DES 7SÓIS (países da Rede SSSL)
Les Voix des 7Sóis é o nome da nova criação artística original 2019 do Festival Sete Sóis Sete Luas, surgida do trabalho conjunto de prestigiados músicos provenientes das diversas margens do Mare Nostrum, do mundo lusófono e francófono. Com direção musical do compositor, guitarrista e pianista português Nuno Dario, participam nesta orquestra o guitarrista e baixista esloveno Teo Colori, o flautista francês Damien Fadat, o percussionista português Ruca Rebordão e as jovens cantoras Paola Bivona (Itália) e Hadil Mechrgui (Tunísia). Estreia Nacional

Sexta-feira, 9 de Agosto – 22h00
ALESSIO BONDÍ (Sicília, Itália)
Alessio Bondí é cantor, compositor e também ator licenciado na Accademia d’Arte Drammatica de Roma, vencedor do conhecido prémio italiano “De André”, para a melhor interpretação, em 2013, e da importante “Placa Premio Parodi”, da Sociedade Italiana de Autores, em 2014.

Sexta-feira, 16 de Agosto – 22h00
CHRISTOPHE MONDOLONI (Córsega, França)

Sexta-feira, 23 de Agosto – 22h00
MANECAS COSTA & MICAS CABRAL (Guiné-Bissau)

Sexta-feira, 30 de Agosto – 22h00
CAIXA DE PANDORA e MILLI VIZCAINO (Portugal, Espanha)
Luciérnagas y Pirilampos é o nome dado a um projeto musical fronteiriço (mas sem fronteiras), nascido de uma simbiótica sensibilidade ibérica.

Sábado, 31 de Agosto – 18h00
BULE-BULE – NOVAS DANÇAS TRADICIONAIS (Portugal)
Oficina de Dança e Baile


Últimas Notícias
Extreme Gerês Marathon
Castelo Branco recebe Colóquio sobre Desporto Adaptado e Inclusão
VIII Festa da Gente Miúda e Feira Infantil
Feira da Golegã 2019
CINANIMA 2019
Say HI to 2020

Todas as notícias

Contacta-nos